Suspeito de provocar morte de torcedor argentino se entrega à polícia

Emanuel Balbo, que foi arremessado de uma arquibancada, morreu após dois dias internado

Acusado de instigar morte de torcedor, Oscar Gómez, conhecido como "Sapito", se apresentou na tarde desta segunda-feira à Chefia de Polícia da província de Córdoba. Segundo informações da agência de notícia EFE, Gómez teria incentivado torcedores do Belgrano a espancar e jogar Emanuel Balbo da arquibancada do estádio Mario Lempes, neste sábado. A advogada do suspeito, Mónica Pico, nega participação de seu cliente no crime.  

"Meu cliente é inocente, não tem nada a ver com o ocorreu com Balbo. Não instigou nada. Se entregou para colocar-se a disposição. O que aconteceu é que Balbo discutiu com ele (Oscar Gómez) por uma causa anterior, mas tudo ficou ali mesmo. Depois, Balbo brigou com outros torcedores e foram eles que o arremessaram. Meu cliente não estava lá",  declarou Mónica, ao canal "Todo Noticias"

O argentino Emanuel Ezequiel Balbo, que foi arremessado de uma arquibancada durante o clássico entre Belgrano e Talleres, morreu na manhã desta segunda-feira, após ficar dois dias internado em estado grave.  

 

MAIS SOBRE:

futebolArgentina
Comentários