Técnico do Paris Saint-Germain diz que Messi seria bem-vindo ao clube

Reportagens na mídia espanhola lançaram dúvidas sobre o futuro do atacante no Barcelona

Relacionadas

O técnico do Paris Saint-Germain, Thomas Tuchel, disse que Lionel Messi seria bem-vindo ao clube se decidisse deixar o Barcelona, mas ele não acredita que o atacante argentino fará isso.

Messi, que ingressou no Barcelona aos 13 anos, marcou um recorde de 634 gols pelo clube em 730 jogos e também é o jogador mais vitorioso com 33 troféus, mas o jogador de 33 anos está no último ano de seu contrato com o time catalão.

Reportagens na mídia espanhola lançaram dúvidas sobre o futuro do atacante no clube, após uma temporada decepcionante que culminou em uma derrota por 8 x 2 na Liga dos Campeões para o Bayern de Munique nas quartas de final deste mês.

“Ele é muito bem-vindo. Qual treinador diz não ao Messi?”, disse Tuchel ao BT Sport depois que sua equipe perdeu por 1 a 0 para o Bayern na final da Liga dos Campeões no domingo.

“Acho que o Messi termina sua carreira em Barcelona. Ele é o Sr. Barcelona.” Tuchel afirmou que o clube francês vai conversar sobre seus alvos potenciais de contratação e que precisa de um elenco maior para lidar com as demandas da nova temporada.

“Perdemos muitos jogadores nesta campanha e perdemos agora Thiago Silva e Eric Maxim Choupo-Moting”, acrescentou. “Precisamos usar a janela de transferências agora para ampliar o plantel. A campanha vai ser muito exigente, sem interrupções.”

MAIS SOBRE:

futebolParis Saint-GermainThomas TuchelMessiBarcelona [Futbol Club Barcelona]
Comentários