Técnico espanhol revela choro de jogador após insultos racistas

Francês Jéremie Bela foi ofendido por um atleta do Granada na última sexta-feira

Relacionadas

O técnico Luis Miguel Ramis, do Albacete, demonstrou revolta com uma atitude racista de um jogador do Granada com o francês Jéremie Bela, na última sexta-feira, em jogo válido Série B da Espanha.

De acordo com o treinador, que não quis revelar qual foi o insulto feito pelo jogador, Jéremie Bela foi ofendido por um adversário e acabou chorando no vestiário. "Não vou repetir o que ele disse, mas foi uma atitude racista", afirmou Ramis.

Em informação revelada pelo jornal espanhol Marca, Ramis chegou a exigir que o adversário se desculpasse com Jéremie Bela. "Tem que sair (do vestiário) e pedir desculpas. Foi uma atitude muito feia, somos todos companheiros", disse.

Do outro lado, Diego Martínez, técnico do Granada, afirmou não saber qual foi o insulto e qual dos seus atletas ofendeu Jéremie Bela. "Não sei o que aconteceu, mas deixo claro que o Granada tem tolerância zero para racismo. Vamos avaliar o ocorrido", afirmou.

Jéremie Bela foi o autor de um dos gols da partida, que terminou no empate por 1 a 1. O outro tento foi marcado por Fede Vico.

 

MAIS SOBRE:

futebolJéremie Belaracismo
Comentários