Tévez detona 'concorrente' à seleção: 'tem que levar homem para a Copa'

Jogador do Boca Juniors está insatisfeito com a 'lua de mel' entre os torcedores e Lautaro Martínez, do Racing

O jovem atacante Lautaro Martínez, de 20 anos, do Racing, vem ganhando destaque - e os pedidos da torcida argentina - para que ocupe uma das vagas na equipe nacional na Copa da Rússia. Ele está em evidência após excelentes atuações no Campeonato Argentino (no fim de semana, fez três gols, um deles um golaço, na vitória de seu time contra o Huracán) e, por isso, torcedores e imprensa pedem ao técnico nacional, Jorge Sampaoli, que o leve para o Mundial.

Bandeira de torcida tapa visão e impede uso de árbitro de vídeo em Portugal

Zagueiro recebe multa do próprio clube por agarrar partes íntimas de adversário

Vídeo: Gabriel Jesus recebe bronca da mãe por 'sumir o dia inteiro'

Quem não gostou e resolveu "detonar" o jovem foi o experiente reforço do Boca Juniors, Carlos Tévez, de 34 anos - ele próprio interessadíssimo em ir para a Copa, que seria a última de sua carreira. Tévez, recém-chegado de volta da China, não esconde que sonha em ir ao Mundial.

Em entrevista ao portal argentino Cronica, o ex-Corinthians não escondeu uma ponta de ciúmes do jovem. "Hoje colocamos Lautaro (na seleção), e na semana passada ele sequer tocou na bola diante do Unión. Jogando em casa, destruiu, fez três gols e já está no Mundial. Tem que levar homens para a Copa", disse Tévez. "Se ganha com homens, pessoas que vão em todas e que têm experiência em mundiais. É uma guerra que você tem de ganhar".

Veja abaixo um vídeo com alguns lances de Lautaro no jogo do fim de semana:

MAIS SOBRE:

futebolTévezCampeonato Argentino de FutebolCopa do Mundo Rússia 2018 [futebol]
Comentários