Thiago Neves chama Mauro Cezar de 'mongol' e jornalista responde

Comentarista se diz contra o 'futebol covarde e retranqueiro' adotado pelo Cruzeiro

Relacionadas

Não é o primeiro e provavelmente não será o último caso de discussão entre jornalistas e jogadores. Thiago Neves, do Cruzeiro, fez uma comentário no Instagram xingando Mauro Cezar Pereira, colunista do Estado e comentarista da ESPN, por uma declaração dada por ele e divulgada por uma página de torcedores do clube mineiro.

No vídeo, um torcedor questiona se é melhor perder por 2 a 0 jogando ofensivamente como o Flamengo fez diante do Emelec ou empatar em 0 a 0 como foi o caso da partida do Cruzeiro com o River Plate. "O pior é em 15 jogos ganhar um, perder sete e empatar sete e praticar o futebol sofrido como faz seu time", comentou o jornalista após a pergunta do telespectador.

"Acho interessante que torcedores como esse que defendem arduamente o futebol covarde e retranqueiro que é adotado pelo Mano no Cruzeiro. Ele não falou que é cruzeirense, mas a gente percebe, ninguém é burro. Assustador como essas pessoas desconhecem até o tamanho do próprio clube e dizem que são apaixonados por ele", completou o comentarista da emissora.

"Galera, o que esse mongol quer é atenção, Ibope! Tem que avisar a ele uma coisa: se ele quer espetáculo, que vá no circo ou sei lá para onde. Nenhum time no Brasil está jogando isso tudo também! Já falou besteira do Fred, Abel e muitos outros, vamos parar de dar atenção para esse maluco aí", escreveu o  jogador.

Thiago Neves ainda emendou com outra postagem. "Nós incomodamos eles (sic) demais, porque deve ser difícil ficar anos sem comemorar um título", afirmou. "Infelizmente as palavras não são o forte de todos os que conseguem chutar uma bola", escreveu o jornalista ao repercutir a postagem de Thiago Neves na época da tragédia em Brumadinho.

Ao Uol Esporte, Mauro Cezar afirma ainda que o adjetivo utilizado pelo jogador é preconceituoso. "Sou pago para dar opiniões, elogiar e criticar. Não faço qualquer comentário sobre esse atleta há tempos. Mas se queria se manifestar a meu respeito, seria mais razoável ele escrever na rede social que não sou um bom jornalista, por exemplo, é direito de qualquer pessoa achar isso", disse.

Outro que comentou a mesma postagem da página de torcedores do Cruzeiro foi o cantor Samuel Rosa, do Skank. "Apelou", sintetizou o cruzeirense fanático. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Vou deixar pra vocês comentarem a respeito deste vídeo e do Mauro Cézar da ESPN. Qual seria o problema dele com o Cruzeiro?

Uma publicação compartilhada por C R U Z O E I R O (@cruzoeiro) em

MAIS SOBRE:

futebolCruzeiro Esporte ClubeThiago Neves
Comentários