Tite aparece em ranking de revista que elege os 50 melhores técnicos do mundo

FourFourTwo colocou o treinador da seleção brasileira na 11ª colocação

Relacionadas

Se tem uma revista que gosta de fazer rankings esportivos, essa é a publicação inglesa FourFourTwo. Desta vez, a reportagem está levantando uma lista dos 50 melhores técnicos do mundo. Entre eles, está Tite.

O técnico da seleção brasileira ocupa o 11º lugar. Junto com cada nome, um pequeno texto sobre os treinadores foi publicado. "O Brasil sabiamente prolongou o contrato de Tite até 2022, ignorando as críticas por seu rodízio de capitães e apesar de estar 'preparado para ir ao túmulo com Gabriel Jesus'", analisa um dos trechos assinado por Huw Davies. 

Tite está na frente de nomes como Thomas Tüchel, do Paris Saint-Germain, Conte, do Chelsea, Luis Enrique, da Espanha, Di Francesco, da Roma, e Leonardo Jardim, ex-Monaco que está sendo sondado pelo Catar de acordo com a France Football

Mas o treinador não é o único brasileiro no ranking: Renato Gaúcho apareceu no 28º posto da relação que está divulgando os nomes de 10 em 10 (do 50º ao 1º). No texto introdutório, o treinador do Grêmio é colocado como favorito ao sucessor de Tite no comando da seleção.  

"Em novembro de 2017, Renato se tornou o primeiro brasileiro a vencer a Copa Libertadores como jogador e treinador, e conquistou outros três troféus desde então. Ele tem um pé em outra final da Libertadores depois que o Grêmio derrotou o River Plate na primeira rodada da semifinal. Não é surpresa, então, que ele seja o favorito para suceder Tite como técnico do Brasil", escreve Marcus Alves.

Confira os nomes divulgados:

  • 1 - Pep Guardiola (Manchester City-ING)
  • 2 - Zinedine Zidane (sem clube / ex-Real Madrid)
  • 3 - Diego Simeone (Atlético de Madrid-ESP)
  • 4 - Allegri (Juventus-ITA)
  • 5 - Jurgen Klopp (Liverpool-ING)
  • 6 - Deschamps (seleção francesa)
  • 7 - Mauricio Pochettino (Tottenham-ING)
  • 8 - Maurizio Sarri (Chelsea-ING)
  • 9 - Nagelsmann (Hoffenheim-ALE)
  • 10 - Valverde (Barcelona-ESP)
  • 11 - Tite (seleção brasileira)
  • 12 - Leonardo Jardim (ex-Monaco / hoje sem clube)
  • 13 - Di Francesco (Roma -ITA)
  • 14 - Lucien Favre (Borussia Dortmund-ALE)
  • 15 - Marcelino (Valencia-ESP)
  • 16 - Luis Enrique (seleção espanhola)
  • 17 - Janne Andersson (seleção sueca)
  • 18 - Antonio Conte (sem clube / ex-Chelsea)
  • 19 - Phillip Cocu (sem clube / ex-Fenerbahce)
  • 20 - Thomas Tuchel (PSG)
  • 21 - Zlatko Dalic (seleção da Croácia)
  • 22 - Paulo Fonseca (Shakhtar Donetsk-UCR)
  • 23 - Gian Piero Gasperini (Atalanta-ITA)
  • 24 - Pablo Machin (Sevilla-ESP)
  • 25 - José Mourinho (Manchester United-ING)
  • 26 - Domenico Tedesco (Schalke-ALE)
  • 27 - Jose Bordalas (Getafe-ESP)
  • 28 - Renato Gaúcho (Grêmio)
  • 29 - Nino Kovav (Bayern de Munique-ALE)
  • 30 - Bruno Genesio (Lyon-FRA)
  • 31 - Unai Emery (Arsenal-ING)
  • 32 - Marcelo Gallardo (River Plate-ARG)
  • 33 - Sergio Conceição (Porto-POR)
  • 34 - Rafael Benitez (Newcastle-ING)
  • 35 - Marco Giampaolo (Sampdoria-ITA)
  • 36 - Adi Hutter (Eintracht Frankfurt-ALE)
  • 37 - Abdullah Avcı (Istanbul Basaksehir-TUR)
  • 38 - Stefano Pioli (Fiorentina-ITA)
  • 39 - Luciano Spaletti (Inter de Milão-ITA)
  • 40 - Gareth Southgate (seleção da Inglaterra)
  • 41 - Eddie Howe (Bournemouth-ING)
  • 42 - Quique Setien (Bétis-ESP)
  • 43 - Rudi Garcia (Marseille-FRA)
  • 44 - Abel Ferreira (Braga-POR)
  • 45 - Ariel Holan (Independiente-ARG)
  • 46 - Juan Carlos Osorio (seleção do Paraguai)
  • 47 - Sean Dyche (Burnley-ING)
  • 48 - Ricardo Gareca (seleção do Peru)
  • 49 - Simone Inzagui (Lazio-ITA)
  • 50 - Brendan Rodgers (Celtic-ESC)
 

MAIS SOBRE:

FutebolTiteseleção brasileira masculina de futebolfutebol
Comentários