Jogo da Amizade, Treino nas férias e Brasileirão levaram 'Diegos' à seleção

Técnico Tite explica a convocação de Diego Souza e Diegou Ribas para as Eliminatórias

Relacionadas

As principais novidades da convocação de Tite, nesta quinta-feira, foram Diego Souza, do Sport, Diego Ribas, do Flamengo, e o goleiro Ederson, do Benfica. Segundo o próprio treinador, os xarás que atuam em rubro-negros diferentes garantiram um lugar nas Eliminatórias após suas atuações na vitória do Brasil por 1 a 0 sobre a Colômbia, no Jogo da Amizade, em janeiro, no Engenhão. 

"O jogo amistoso foi um componente importante na convocação. Mas não só isso. Tem o peso do acompanhamento de todas as informações, de todos os momentos que os atletas vivem. Foram 56 jogadores observados", declarou Tite, em coletiva no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, como citado em matéria do Estadão. 

Diego Ribas foi chamado no lugar de Lucas Lima, do Santos, enquanto Diego Souza aproveitou a ausência de Gabriel Jesus, que fraturou um dedo do pé em partida pelo Manchester City. 

 

DIEGO RIBAS

Sobre o meia do Flamengo, Tite destacou os treinamentos durante as férias. "O Diego jogou muito com a Colômbia e os jogos dele com o Flamengo também o credenciaram. Ele treinou nas férias, está jogando em alto nível." 

Após duas temporadas no Fenerbahce, da Turquia, Diego foi a principal contratação do Flamengo em 2016, em julho. O meia foi o principal condutor no Flamengo no Brasileirão do ano passado, quando brigou pela ponta da tabela com Santos e Palmeiras. Em 17 partidas pelo Fla no Brasileirão, marcou seis gols e deu duas assistências. Apesar de atuar em menos da metade das rodadas, o então camisa 35 foi eleito para a seleção do campeonato na premiação da CBF. 

 

DIEGO SOUZA

Praticamente os mesmos fatores que levaram Diego Ribas à seleção, também auxiliaram Diego Souza a chegar ao time de Tite. O atacante foi o artilheiro do Brasileirão do ano passado, com 14 gols, ao lado de William Pottker, da Ponte Preta, e Fred, do Atlético-MG. "Ele foi o jogador apontando pela imprensa como o mais efetivo do Brasileiro do ano passado. Foram 14 gols e seis assistências pelo Sport. Também jogou bem contra a Colômbia. O futebol é de preparação e de quem aproveita as oportunidades", respondeu. 

Em entrevista ao SporTV após a coletiva, o diretor de seleções da CBF, Edu Gaspar, contou que, no início da temporada, Diego Souza chegou ao Sport acima do peso ideal. No entanto, após contato da comissão técnica com o clube informando que ele estava no radar do Tite, ele se esforçou e atualmente está até abaixo da medida. 

Diego Souza é o primeiro jogador em 16 anos a representar um time do Nordeste nas Eliminatórias da Copa do Mundo. O último a repetir o feito havia sido Leomar, também do Sport, em 2001. Em 2013, Douglas Santos, do Náutico, havia sido chamado para um amistoso contra a Bolívia, em convocação apenas de jogadores que atuavam no futebol nacional. 

 

MAIS SOBRE:

futebolsportsportdiego souzaFlamengo
Comentários