Três seleções que não venceram na estreia e levantaram a taça

60% das vezes a equipe que levanta a taça ou perde ou empata ao menos um jogo da fase de grupos

Relacionadas

O empate do Brasil diante da Suíça na estreia da Copa do Mundo da Rússia não é motivo para desespero. Apesar de raro, um levantamento feito pelo FERA mostra que outras três seleções já acabaram levantando a taça de campeãs mundiais após não vencerem o primeiro jogo da fase de grupos.

Brasileiros 'bombardeiam' Instagram de jogador suíço: 'fica longe do Ney'

Vídeo machista de torcedores brasileiros com russa gera revolta nas redes

O que dizem os jornais suíços após o empate com a seleção brasileira?

A primeira a empatar na estreia foi a seleção inglesa de 1966. Em Londres, o time ficou no 0 a 0 com o Uruguai. Depois da Inglaterra, outra equipe que não venceu o primeiro jogo foi a Itália de 1982

Neste caso, o dado é ainda mais impressionante: dos três jogos da fase de grupos, foram três empates. A seleção italiana só passou para a próxima por ter marcado um gol a mais que Camarões. 

Mas depois a história mudou de rumo. O time italiano venceu a Argentina de Maradona e o Brasil de Zico para chegar a semifinal contra a Polônia, que venceu por 2 a 0, e a decisão diante da Alemanha que terminou com a vitória italiana por 3 a 1. 

Na história mais recente mais um exemplo de que não é preciso vencer no jogo de estreia para ser campeão. Em 2010, a Espanha perdeu para a Suíça no primeiro jogo da fase de grupos. Depois venceu Honduras e Chile para se classificar para a próxima fase. 

Precisa vencer todos os jogos da fase de grupos para ser campeão?

 

Não, certamente não. Das 20 edições de Copa do Mundo, 12 vezes a seleção campeã não saiu invicta da primeira fase da competição. Ou seja: 60% das vezes a equipe que levanta a taça ou perde ou empata ao menos um jogo da fase de grupos.

Aconteceu já inclusive com a seleção brasileira. Em três dos nossos 5 títulos, nós empatamos um jogo durante a primeira fase dos mundiais. Em 1958, nossa primeira conquita, o Brasil empatou com a Hungria. Na edição seguinte, em 1962, outro empate diante da Tchecoslováquia. Depois o fato voltou a se repetir em 1994, quando a seleção empatou com a Suécia. 

Outro exemplo é a Alemanha ocidental de 1954, que perdeu da Hungria na fase de grupos. O mesmo aconteceu com nossos rivais argentinos, campeões do mundo em 1978. Naquela edição, a Argentina perdeu da Itália também na primeira etapa do mundial.

MAIS SOBRE:

FutebolBrasil [América do Sul]Copa do Mundo Rússia 2018 [futebol]Uruguai [América do Sul]Itália [Europa]Inglaterra [Europa]Argentina [América do Sul]Alemanha [Europa]Espanha [Europa]Suíça [Europa]
Comentários