Vida de goleiro da Chapecoense que morreu em acidente vai virar filme

História de Danilo Padilha será mostrada em um longa-metragem, com autorização da família e do clube

Relacionadas

A superação e a batalha para se tornar um atleta profissional serão os eixos da história de um novo longa-metragem, que vai mostrar a vida e a história de Danilo Padilha, goleiro da Chapecoense e um dos 71 mortos no acidente aéreo no voo que levava a equipe para o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana. Tanto a família quanto o clube já autorizaram a produção do filme, que já tem título: Goleiro.

O cantor e compositor sertanejo Thiago di Melo será um dos responsáveis pelo filme, que vai contar a história de Danilo, da infância até se tornar ídolo da Chape. "O roteiro prioriza a história de vida e superação e não a tragédia", diz. Agora, o produtor vai iniciar a fase de conhecer a família e os amigos de Danilo.

"Escrevi uma linda história de amor e superação, que nos fará refletir sobre quem somos, e o que ainda vamos fazer na vida. O filme será um legado em memória desse grande homem, um atleta que deve ser um exemplo para todos nós ", afirma o cantor.

Neste fim de semana, mostrando um grande poder de superação, a Chapecoense perdeu do Avaí, em casa, por 1 a 0, mas mesmo assim ganhou o título de campeã catarinense.

MAIS SOBRE:

futebol Chapecoense Copa Sul-Americana Futebol
Comentários