Vídeo: jogadores russos são investigados por agressão a Ministro de Putin

Aleksandr Kokorin e Pavel Mamaev estão no centro da confusão

Relacionadas

Mundo a fora, os russos são conhecidos por seu comportamento explosivo. Exemplo disso, os jogadores Aleksandr Kokorin e Pavel Mamaev se envolveram em mais uma confusão. A dupla, que nem do mesmo time é, agrediu um membro do governo da Rússia em um café em Moscou e podem estar em maus lençóis. 

O meia Mamaev atualmente defende as cores do Krasnodar, enquanto o atacante Kokorin joga no Zenit. Na última segunda-feira, o Ministério do Interior russo revelou que foi aberta uma investigação criminal sobre os jogadores que violentaram o político que integra o Ministério de Comércio e Indústria.

Segundo alguns jornais do país, a confusão teria começado quando o político, que é uma das figuras oficias do governo de Vladimir Putin, reclamou do barulho vindo da mesa onde estavam os atletas e amigos. 

De acordo com o periódico Gazeta.ru, ambos jogadores chegaram ao café aparentemente embriagados e começaram a provocar as pessoas que ali trabalham. Nesta outra versão, o motivo que causa a briga é que o político intervém para proteger os funcionários e acaba com um dente quebrado.

O Ministério de Indústria e Comércio confirmou o incidente e acrescentou que outro de seus funcionários, o diretor do Centro Científico Estatal NAMI, Sergei  Gaisin, também levou uma cadeirada.

Kokorin e Mamaev já defenderam a seleção russa, mas foram deixados de fora da Copa do Mundo pelo técnico Stanislav  Cherchesov. Em julho de 2016, os dois foram flagrados em uma festa em Mônaco, na qual teriam gastado 250 mil euros só em champanhe, pouco depois de a seleção russa ter sido eliminada da Eurocopa da França.

 

MAIS SOBRE:

FutebolAleksandr KokorinMoscou [Rússia]Vladimir Putinagressão físicafutebol
Comentários