VÍDEO - VAR mostra que Gabigol foi expulso por 'gesto obsceno' na final

Jogador ganha cartão vermelho no fim da partida após provocar adversários do River Plate

Relacionadas

A Conmebol divulgou nesta terça-feira um vídeo que mostra a análise da expulsão do atacante Gabigol, do Flamengo, com os áudios da conversa entre o pessoal da cabine e a arbitragem no campo. Segundo as imagens, o jogador fez gestos obscenos em direção ao banco de reservas do River Plate e à torcida adversária.

Nas imagens, é possível ouvir um dos assistentes do Árbitro de Vídeo perguntando ao juiz chileno Roberto Tobar o motivo de ter dado cartão vermelho para o atleta, que fez os dois gols da vitória do Flamengo por 2 a 1 sobre o River Plate. O árbitro, após um tempo, responde: "Gesto obsceno". Então os auxiliares buscam a imagem para verificar o cartão. "Confirmamos", disse o assistente.

Gabigol foi o herói da vitória do Flamengo em Lima, que garantiu o título da Copa Libertadores para a equipe brasileira. Os gols saíram nos minutos finais e, após a expulsão, o atacante saiu de campo revoltado, mas levou uma grande bronca do técnico Jorge Jesus, que não aprovou a atitude de seu atleta contra os adversários.

O jogador já tinha levado um cartão amarelo por tirar a camisa na comemoração do segundo gol. E com a vitória praticamente sacramentada, o volante Palácios chutou Bruno Henrique no chão, aos 49 minutos do segundo tempo. Começou uma confusão e nela Gabigol foi expulso. Dois minutos depois Tobar encerrou a partida e a festa rubro-negra começou em Lima.

 

MAIS SOBRE:

futebolGabigolFlamengoLibertadores [Copa Libertadores da América]arbitragem esportiva
Comentários