EA Sports retira cartas de Van Basten do Fifa 20 após saudação nazista

Decisão foi tomada a fim de manter o 'compromisso com a igualdade e a diversidade no jogo'

Relacionadas

O ex-atacante Marco van Basten foi retirado do game Fifa 20 nesta quinta-feira. A decisão, anunciada pela EA Sports, foi motivada após ele ter feito uma saudação nazista durante transmissão ao vivo da Fox Sports Holanda.

Na emissora, Van Basten trabalha como comentarista. Na ocasião ele disse "Sieg Heil", que em alemão significa "saúde a vitória". A frase é usada para comemorar vitórias do nazismo e foi dita durante uma entrevista do canal com o técnico alemão do Heracles Almelo, Frank Wormuth.

Em comunicado anunciado no próprio Fifa 20, a EA Sports informou sobre a retirada das cartas do ex-jogador do modo Ultimate Team. De acordo com as informações divulgadas, a decisão foi tomada a fim de manter o "compromisso com a igualdade e a diversidade no jogo".

Antes disso, o ex-jogador já havia sido afastado da Fox Sports por uma semana. "Com uma piada inadequada em um momento inadequado, Van Basten cometeu um erro.O que aconteceu é estúpido e inapropriado e a Fox Sports se distancia do que foi dito", comunicou a emissora na época.

Van Basten, por sua vez, pediu desculpas pela ação. "Não era a minha intenção chocar as pessoas. Eu só quis explicar o alemão do Hans", disse.

Em sua carreira, Van Basten já defendeu equipes como Ajax e Milan. Tem em seu currículo duas Liga dos Campeões e foi tricampeão nacional pelo time italiano. Também exibe uma Eurocopa de 1988 com a seleção da Holanda. Ele ocupou o cargo de diretor técnico da Fifa por dois anos.

MAIS SOBRE:

eSportsfutebolVan Bastennazismo
Comentários