SporTV transmitirá rodada de abertura do Brasileiro de League of Legends

Competição reúne as oito melhores equipes do game no Brasil

Relacionadas

Gosta de games e não sabe o que fazer neste final de semana? Então se prepare, pois muita diversão vem por aí! Começa neste sábado o primeiro turno do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLOL). Organizado pela Riot Games, empresa responsável pelo jogo, o torneio tem uma novidade interessante em 2017: depois do sucesso de exibições especiais no ano passado, o canal pago SporTV transmitirá uma partida por semana do campeonato, todo sábado, às 13 horas. "É um passo a mais para popularizar os eSports no Brasil", diz Roberto Iervolino, gerente-geral da Riot no Brasil, em entrevista ao Link.

Neste primeiro final de semana de disputa, o canal transmitirá um duelo tradicional brasileiro: Keyd Stars contra paiN Gaming, duas das equipes mais populares do cenário. Na sequência, às 15 horas, há a reedição da final do CBLOL de 2016, com a atual campeã INTZ enfrentando a CNB, em partida que será transmitida apenas pela internet, nos canais oficiais da Riot Games no YouTube e Twitch. 

ENTENDA A COMPETIÇÃO

Jogado em times de cinco contra cinco, League of Legends tem mais de cem personagens diferentes à disposição dos jogadores – cada personagem, chamado de campeão, tem poderes e estratégias específicas para ser utilizado. Até o ano passado, além de escolher seus cinco campeões, cada time poderia vetar o uso de três personagens específicos na escalação adversária. Neste ano, há uma mudança: agora, cinco personagens poderão ser vetados. "É uma mudança que vai trazer mais emoção para o jogo ao vivo, e que vai premiar as equipes que jogarem com inteligência", avalia Iervolino. 

Assim como nos anos anteriores, o CBLOL terá oito equipes. TodAs se enfrentam em único turno ao longo de sete rodadas. Os quatro melhores colocados se classificam para as semifinais, enquanto o último colocado cai para o Circuito Desafiante, espécie de série B do League of Legends brasileiro.

MAIS SOBRE:

GamesSporTVBrasilYouTubeVideogame
Comentários