Adebayor pode fazer Olimpia enfrentar o Santos em estádio antigo

Clube acredita em aumento de público após a contratação do atacante togolês

Relacionadas

Rival do Santos na fase de grupos da Copa Libertadores da América, o paraguaio Olimpia pode voltar a mandar seus jogos no Estádio Defensores del Chaco. O motivo: a maior capacidade, acima de 40 mil pessoas. A esperança é de aumento de público após a contratação do atacante togolês Emmanuel Adebayor, de 35 anos.

O diretor financeiro do Olimpia, Miguel Brunotte, exaltou a contratação do jogador. "Rompemos um paradigma em todos os âmbitos dentro do Paraguai. Não foi simples", afirmou o dirigente em entrevista à rádio paraguaia Monumental AM 1800.

Brunotte também falou sobre a possível mudança de estádio. "A minha recomendação ao presidente é que ele leve os três jogos da fase de grupos da Libertadores para o Defensores del Chaco. Assim, podemos atender à torcida e vamos conseguir encher o estádio", disse. O Olimpia tem atuado no Estádio Manuel Ferreira, com capacidade de cerca de 20 mil pessoas.

A contratação de Adebayor se deu em meio a uma campanha do clube para ampliar o número de sócio torcedores. O próprio presidente do Olimpia, Marco Trovato, comemorou o quanto a vinda do togolês alavancou o programa. "O Olimpia novamente conseguiu um feito histórico: em pouco mais de dois dias, alcançamos 15 mil novos sócios. Não alcançamos os 20 mil sócios propostos, mas sabemos que até a estreia da Libertadores vamos conseguir", disse em vídeo publicado nas redes sociais.

O ex-jogador de Monaco, Arsenal, Manchester City, Real Madrid e Tottenham assinou vínculo por uma temporada e será apresentado à torcida com grande festa na próxima sexta-feira.

 

MAIS SOBRE:

futebolOlimpia Futebol Clube
Comentários