Aos 55 anos, pai de jogador da NFL se torna o mais velho da liga universitária dos EUA

Joe Thomas Sr. está no quarto ano de engenharia da Universidade da Carolina do Sul

Neste sábado, o running back da Universidade de South Carolina Joe Thomas Sr., de 55 anos, se tornou o jogador mais velho a jogar na primeira divisão da liga universitária americana. Joe Thomas é pai de Joe Thomas Jr., linebacker que atua no Green Bay Packers, da NFL. Segundo o filho, Thomas Sr. era dono de uma empresa de construção na Carolina do Sul que faliu durante a recessão. Após isso, ele decidiu buscar alguma formação acadêmica e, há quatro anos, entrou para o curso de engenharia. 

"Me senti um herói. Foi certamente um dos dias mais felizes da minha vida. Sempre quis jogar no futebol americano universitário e finalmente consegui. Quero agradecer à universidade, ao treinador Buddy Pough, toda a comissão técnica e meus companheiros pela oportunidade. Esperei por isso durante 36 anos", declarou o dono da camisa 42. Ele carregou a bola por quatro jogadas na vitória por 32 a 0 sobre Savannah State. Ao final da partida, seus colegas de time também lhe presentearam com a bola do jogo. 

"Sempre disse: 'Nunca desista dos seus sonhos. Continue seguindo em frente e não ouça aos outros'. Foi um grande dia para mim, mas tenho que admitir, não achei que minha situação geraria tanta atenção e tantas repostas positivas", completou. 

MAIS SOBRE:

futebol americanoEstados Unidos
Comentários