Haja coração! Ambas finais antes do Super Bowl decididas na prorrogação

New England Patriots e Los Angeles Rams se encaram no dia 3 de fevereiro

Relacionadas

Uma das datas mais especiais para os amantes de esportes está se aproximando: o Super Bowl. No último domingo, foram definidos em dois confrontos emocionantes as franquias que se enfrentarão no próximo dia 3 de fevereiro na final do futebol americano: New England Patriots e Los Angeles Rams

O Patriots de Tom Brady vai em busca da marca do Pittsburgh Steelers, única franquia da liga com seis títulos. Nos minutos finais da partida, o time conseguiu uma incrível virada sobre o Kansas City Chiefs que vencia por 28 a 24 faltando menos de dois minutos para o fim do jogo por conta de uma conexão de 38 jardas com Watkins e a corrida de Williams.

Foi aí que Tom Brady, no auge de seus 41 anos, resolveu aparecer mais uma vez. O New England cruzou o campo em 1 minuto e o quarterback deu o passe para Rex Burkhead fazer o seu touchdown e virar o jogo faltando 39 segundos no relógio. 

Então, era a vez do destaque Pat Mahomes mostrar a força do seu braço. Os Chiefs atravessaram o campo e  o quarterback de apenas 23 anos deixou Butker chutou um field goal de 39 jardas para empatar em 31 a 31 e levar a partida para a prorrogação. Resultado? Kansas City Chiefs 31 x 37 New England Patriots.

Los Angeles Rams x New Orleans Saints

Na outra final, mais uma ida ao tempo extra. Pela primeira vez na história, os dois confrontos foram decididos na prorrogação. No duelo entre Los Angeles Rams e o New Orleans Saints, o nome da partida nos últimos instantes foi Greg Zuerlein, que levou a final da Conferência para a prorrogação e acertou o chute de 57 jardas.

Além do jogo concorrido, também teve polêmica nos instantes finais: depois de concluir com sucesso um passe de 43 jardas, o quarterback Drew Bree lançou para Tommylee Lewis, mas Nickell Robey-Coleman o derrubou antes mesmo da bola chegar em uma falta clara não apitada pela arbitragem. 

New Orleans na frente por 23 a 20. Assim como na outra final, os Rams tinham menos de dois minutos para reagir e conseguiram avançar para que Zuerlein chutasse de 48 jardas. Faltando 15 segundos para o fim do duelo, o kicker acertou e conseguiu levar o jogo para a prorrogação. O Rams se deu melhor e venceu por 26 a 31 o time de New Orleans.

 

MAIS SOBRE:

futebol americanoSuper BowlTom BradyKansas City ChiefsNFL [Liga de Futebol Americano]
Comentários