MLB traz ao País projeto para formar técnicos brasileiros de beisebol

Maior liga do mundo quer atrair profissionais do Brasil para seus quadros. Hoje, há 11 brasileiros atuando nos EUA

Relacionadas

A Major League Baseball (MLB), maior liga mundial de beisebol, quer técnicos brasileiros - e para isso vai realizar, pela segunda vez no Brasil um programa de formação de profissionais para instrutores brasileiros. O projeto é considerado pela própria MLB como um dos melhores do mundo para formação de atletas fora dos Estados Unidos.

A cidade de Ibiúna (SP) vai sediar, entre os dias 21 e 30 de abril, o MLB Coaching Development Program. Será realizada uma sessão de dez dias de aulas e treinamentos. Estarão presentes, no Centro de Treinamento da Confederação Brasileira de Beisebol e Softbol (CBBS), 30 treinadores de todo o Brasil, que já possuam conhecimento das regras e práticas do esporte.

Os profissionais da MLB colocarão em prática, nos dez dias de preparação, as mesmas técnicas aplicadas com os técnicos e atletas profissionais que atuam nos EUA. Serão transmitidos aos instrutores métodos de avaliação das habilidades técnicas e táticas dos jogadores, como qualidade e potência de arremessos de curta e longa distância, força, técnica e precisão na rebatida, arranque e velocidade, além de capacidade de defesa para recepcionar arremessos e rebatidas.

Para o programa de 2017, segundo a MLB, foi desenvolvido o primeiro Manual de treinadores totalmente em português. São mais de 300 páginas com didáticas apropriadas para o esporte, além das técnicas e táticas utilizadas pelos profissionais dos 30 times da MLB.

Os participantes, que virão de várias partes do país (São Paulo, Paraná, Mato Grosso do sul, Rio de Janeiro, Espirito Santo, Bahia e Pernambuco), serão orientados por treinadores profissionais da MLB, e o programa também terá a participação de ex-atletas estrangeiros.

Atualmente a Major League Baseball possui 11 atletas brasileiros com contratos ativos em seus clubes.

MAIS SOBRE:

beisebolBeisebol
Comentários