Nadadora passa mal e precisa de atendimento médico no Mundial de natação

Mesmo com a indisposição, Sarah Sjostrom conquistou o bronze nos 200m livre

Sete vezes campeã mundial e uma vez campeã olímpica, nos Jogos do Rio, a sueca Sarah Sjostrom precisou de atendimento médico após disputar os 200m livre no Mundial de Esportes Aquáticos, em Gwangju, na Coreia do Sul. A imagem da atleta usando uma máscara de oxigênio assustou o público, nesta quarta-feira, mas depois ela usou as redes sociais para tranquilizar os torcedores e comemorar o bronze conquistado.

E essa sensação depois de uma prova de 200m livre?! Enfim, estou bem agora. E super feliz com o meu bronze - escreveu Sarah.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Feels after 200m freestyle! Right!? ???? FYI I'm fine now... And super happy with my bronze ??

Uma publicação compartilhada por Sarah Sjöström ???? / ? Swimmer (@sarahsjostrom) em

Sjostrom é uma das referências da natação de seu país. Ela ganhou destaque em 2009, quando tinha apenas 15 anos, quando ganhou a medalha de ouro nos 100m borboleta e quebrou o recorde mundial na semifinal e na final no Mundial de Esportes Aquáticos, disputado em Roma.

MAIS SOBRE:

nataçãoSarah Sjostrom
Comentários