Ouro na luta na Rio-2016 mostra foto de sua medalha danificada; veja

Kyle Snyder, ouro na luta livre, mostrou arranhões em sua medalha menos de um ano depois da competição

Relacionadas

Menos de um ano depois de encerradas as disputas dos Jogos Olímpicos do Rio, é grande o número de atletas premiados que vêm reclamando que suas medalhas estão apresentando desgaste incomum. As medalhas foram fabricadas pela Casa da Moeda do Brasil.

Apenas entre os norte-americanos, segundo informações da agência de notícias Associated Press, cerca de 80 atletas reencaminharam suas medalhas para conserto ou troca. O problema também ocorreu com medalhistas europeus.

Um desses atletas é o ouro na luta livre Kyle Snyder, que mandou para a agência uma foto da medalha arranhada no verso. "Não era muito grave, mas é bacana que eles estejam me dando uma medalha nova", disse ele à AP.

Já a jogadora de vôlei de praia Kerri Walsh Jennings, medalhista de bronze, também reclamou de sua medalha que, diz ela, está descascando e enferrujando. Ela contou, no entanto, que não sabe se quer trocar o item, dizendo que a medalha traz muitas lembranças sentimentais.

Diretor-executivo de comunicação da Rio 2016, Mario Andrada disse que as autoridades notaram o problema entre 6 e 7% do total produzido. "O problema mais comum é que elas tenham sido derrubadas ou manuseadas com descuido e, com isso perdido o verniz, causando ferrugem ou uma mancha escura no local", afirmou ele à AP.

MAIS SOBRE:

jogos olímpicos
Comentários