Paulista bate recorde das Américas no Open Internacional 

Elizabeth Gomes atingiu a marca de 14,71m no lançamento de disco nesta quinta-feira

Relacionadas

O primeiro dia do Open Internacional de Atletismo e Natação contou com o destaque para a paulista Elizabeth Gomes. Ela bateu nesta quinta-feira, 26, o recorde das Américas ao atingir a marca de 14,71m no lançamento de disco da classe F52.

+ Emissora usa curling para chamada do encontro entre líderes das Coreias

+ Conheça os 10 campos de futebol mais espetaculares do mundo

+ Brasileiros concorrem ao 'Oscar das Ondas Grandes' nos EUA; veja imagens

Elizabeth ultrapassou o antigo recorde de 13,95m da americana Cassie Mitchell. A atleta foi diagnosticada com esclerose múltipla quando tinha 27 anos. Hoje, aos 53, ela já passou pelo basquete em cadeira de rodas e chegou ao atletismo em 2008, nos Jogos de Pequim. 

Em novembro do ano passado Elizabeth passou por uma piora clínica em sua doença e precisou sofrer algumas adaptações devido a uma lesão no lado esquerdo do corpo, o que não a impediu de conquistar bons resultados. "Agora estou me readaptando a tudo, porque não consigo mais pegar os implementos com a mão, ele tem de ser colocado para eu poder lançar. Mas continuo com a mão esquerda, porque a direita também é comprometida", conta.

A competição conta com outros 400 atletas, dos quais 226 do atletismo e 174 da natação. Ao todo, 13 países estão representados: África do Sul, Argentina, Brasil, Chile, Cuba, Equador, El Salvador, Gana, Israel, México, Peru, Portugal e Turquia. As disputas vão acontecer até sábado, 28, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo.

MAIS SOBRE:

Geral
Comentários