Super Bowl: Roger Waters pede que Maroon 5 repita gesto em apoio a Kaepernick

Músico compartilhou petição que pede para bandas fazerem protesto durante intervalo do jogo

Relacionadas

Depois de Rihanna se recusar a fazer o show no Super Bowl, outro artista se manifestou em apoio a Colin Kaepernick: Roger Waters usou seu Twitter para tentar convencer a banda Maroon 5, que se apresentará no do intervalo da final da NFL, a se ajoelhar no palco. 

O ex-jogador dos San Francisco 49ers não foi contratado por nenhuma equipe desde a temporada 2016-17, quando protagonizou uma campanha em que ajoelhava durante o hino dos Estados Unidos em protesto contra a violência policial com cidadãos negros.

Desde então, atletas como a Serena Williams e LeBron James também mostraram solidariedade a situação vivida pelo ex-quarterback. "Peço que eles se ajoelhem no palco", escreveu Waters na legenda da publicação que compartilha uma petição e conta com um vídeo de um show em que o músico e sua banda também se ajoelham em apoio a Kaepernick.

"Peço que o façam em solidariedade a Colin Kaepernick, a cada criança morta nestas ruas violentas, a cada pai ou mãe ou irmão ou irmã em luto", completa na descrição das imagens gravadas no dia 24 de setembro de 2017 e que, após o gesto dos integrantes da banda, são ovacionados com aplausos.  

 

MAIS SOBRE:

futebol americanoRoger WatersSuper BowlColin KaepernickNFL [Liga de Futebol Americano]
Comentários