Tom Brady não contém a emoção e chora em duas perguntas sobre seu pai

Perguntado por um garoto de 7 anos, o quarterback elegeu Tom Brady Sr. como seu grande herói

Relacionadas

O mundo dos fãs de futebol americano se volta a partir desta semana para Houston, cidade sede da 51ª edição do Super Bowl, no próximo domingo. E um dos protagonistas do show, Tom Brady, teve bastante dificuldade em segurar as lágrimas durante duas perguntas sobre seu pai durante o Media Day, nesta segunda-feira, evento que marca o início da programação na cidade do Texas.

No encontro com os jornalistas, um menino de sete anos, que venceu um concurso para ser repórter durante o Super Bowl, perguntou ao quarterback do New England Patriots: "Quem é seu herói?" E o camisa 12 respondeu: "Quem é meu herói? É uma ótima pergunta. Eu acho que é meu pai porque ele é alguém que eu sempre admirei e... (interrompe para segurar a emoção) ...meu pai." 

 

 

A young boy asked Tom Brady who is hero is, leading to one of the best moments from Super Bowl media day.

Um vídeo publicado por SportsCenter (@sportscenter) em

 

Depois, Brady foi questionado sobre as fortes críticas que seu pai, Tom Brady Sr., fez ao comissário da NFL em relação ao tratamento que o jogador dos Patriots recebeu durante o Deflategate. "Diria que meu pai representa os sentimentos dele. Ele é pai. E eu sou pai. Então...", disse Brady, que também não conseguiu terminar essa reposta. 

Em entrevista à rádio KRON, de São Francisco, na última sexta-feira, o pai de Brady atacou o chefão da NFL e a maneira como conduziu as investigações sobre a polêmica das bolas murchas. "Ele foi em uma caça às bruxas e foi muito acima da linha e teve que mentir sua posição em diversas maneiras e a realidade é que Tommy nunca foi suspenso por murchar bolas", disse Tom pai. Que continuou: "Ele foi suspenso porque o júri disse que ele poderia, Roger Goodell poderia fazer qualquer coisa que quisesse com qualquer jogador por qualquer razão. Isso foi o que aconteceu. A NFL admitiu que não havia evidência contra ele (Tom Brady)."

O Super Bowl LI, entre New England Patriots e Atlanta Falcons, acontece no próximo domingo, dia 5 de fevereiro, às 21h (horário de Brasília), no NRG Stadium, casa do Houston Texans. 

MAIS SOBRE:

futebol americanotom bradynflnew england patriots
Comentários