Torcida da Portuguesa faz abaixo-assinado para tombar o Canindé

Objetivo do movimento é valorizar a história da equipe e garantir o futuro do clube

Relacionadas

Torcedores da Associação Portuguesa de Desportos, que vive um dos momentos mais complicados de sua história, lançaram um abaixo-assinado para pedir o tombamento do estádio Doutor Oswaldo Teixeira Duarte, o Canindé, o principal patrimônio do clube. No domingo, centenas de torcedores do time foram ao estádio acompanhar a partida contra o Juventus pelo Campeonato Paulista da série A2, que acabou em 0 a 0, e aproveitaram para assinar a petição a favor do tombamento do complexo. 

+ Mayweather diz que pode convencer CR7 a encerrar carreira em time inglês

+ Messi: 'Se não ganharmos a Copa, essa geração terá que sair'

+ São-paulina acusa organizada de homofobia por pedido para filho tirar brinco

O documento diz que o clube está "sob ameaça de desaparecimento" e lembra que o estádio, inaugurado em 1972, às margens da Marginal do rio Tietê, é um dos símbolos da capital paulista. O abaixo-assinado destacada ainda a importância do clube, referência em São Paulo há 98 anos.

"Preservar a Portuguesa é preservar a memória do povo português e os costumes do paulistano", afirma Beto Freire, um dos responsáveis por iniciar o movimento, que já tem mais de três mil assinaturas. "A Portuguesa é o único representante que mantém a tradição da colônia luso-brasileira em sua história e cotidiano", afirma. 

Como justificativa, Freire cita o fato de o local ser uma referência na cidade, estar em frente à maior rodoviária da América Latina e fazer parte da paisagem urbana da via mais movimentada de São Paulo. "Precisamos mostrar a importância do passado e garantir o futuro da Portuguesa". 

A lista será levada para o comércio paulistano ligado aos portugueses e deve ser enviado ao Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp). Segundo a SP Turis, a colônia portuguesa em São Paulo é a maior da cidade. 

Mobilização da torcida

Com a estrutura envelhecida, o clube tem contado com apoio dos torcedores para ajudar na sua revitalização. Diversos torcedores têm trabalhado voluntariamente para pintar a lateral do gramado e reformar a estrutura de todo o complexo. Eles vão colocar mais lâmpadas no Canindé, para melhorar a iluminação, e querem também pintar toda a arquibancada. 

Crise 

Na Série A2 do Campeonato Paulista em 2018, o time vive um dos momentos mais difíceis de sua história e luta para escapar do rebaixamento. Um dos maiores elementos responsáveis pela crise atual foi a escalação irregular de um jogador que resultou no rebaixamento do time para a Série B do Campeonato Brasileiro, em 2013. 

MAIS SOBRE:

futebolPortuguesa
Comentários