Usain Bolt lança linha de patinetes elétricos em Tóquio

Leis atuais do Japão pedem carteira de habilitação de motocicleta para utilizar patinetes motorizados

Relacionadas

Dono de nove medalhas de ouro olímpicas, Usain Bolt está levando seus patinetes motorizados ao Japão na esperança de que seu status de celebridade ajude a persuadir as agências reguladoras de que os benefícios ambientais são importantes.

Segundo as leis atuais, os patinetes motorizados só podem ser usados em ruas e precisam de placas, e seus usuários devem ter carteira de habilitação de motocicleta.

O velocista e recordista mundial e cofundador da Bolt Mobility anunciou o lançamento em um evento realizado em um restaurante de Tóquio. O objetivo inicial é limitar os aluguéis dos scooters a terrenos particulares, que são isentos de regulamentações de tráfico, e estar operando em 40 campi universitários até o final de 2020.

Além disso, representantes da start-up norte-americana de um ano de existência estão conversando com as agências reguladoras sobre a amenização das restrições com o argumento de que seus veículos podem diminuir os congestionamentos - e com isso reduzir as emissões. Bolt espera que sua fama ajude a transmitir essa mensagem.

"Ainda estamos conversando e tentando descobrir como ir adiante e fazer coisas melhores pelo meio ambiente, porque foi assim que começou", disse ele em uma entrevista concedida à Reuters após o evento. "Isto é o futuro".

A Bolt Mobility almeja estar em 20 cidades de todo o mundo até o final deste ano e em 50 de oito países em 2020. No início deste ano, ela estreou em Nova York, Paris e Washington./Com informações da agência Reuters

MAIS SOBRE:

Usain BoltpatineteJapão [Ásia]
Comentários