Aldo deixa ranking peso-por-peso do UFC após nova derrota para Holloway

Brasileiro não figura mais na lista de 15 melhores lutadores do UFC independente da divisão de peso

Não foi só a chance de voltar a ser campeão peso pena que José Aldo perdeu no UFC 218. Ao ser derrotado novamente por Max Holloway e, de novo por nocaute, o brasileiro perdeu seu lugar no ranking peso-por-peso organizado pela companhia.

O Ultimate divulgou, nesta quarta-feira, os rankings de todas as categorias e também contando todos os atletas e, pela primeira vez, Aldo deixou a lista dos 15 melhores independente de divisões. Mesmo assim, o ex-campeão manteve a primeira colocação no ranking peso pena, já que Holloway, como campeão, não integra essa lista.

Em seu lugar, o ex-campeão peso-galo Dominick Cruz retornou ao ranking, como 15º. Ele estava fora há algum tempo, já que havia perdido o título para Cody Garbrandt no UFC 207 do fim do ano passado. Com isso, o Brasil só tem duas representantes na lista: as campeãs Cris Cyborg, do peso pena e Amanda Nunes, dos galos. Elas estão em 10º e 12º, respectivamente.

Jovem finge estar jogando videogame para transmitir ilegalmente luta do UFC

Holloway exalta José Aldo e pede estátua no Brasil: ‘Maior de todos’

Além disso, o ranking divulgado nesta semana teve uma novidade. Com a coroação de Nicco Montaño como campeã peso mosca feminino, o Ultimate divulgou o primeiro ranking da categoria. Sijara Eubanks é a primeira colocada - ela enfrentaria Montaño no final do TUF 26 pelo título, mas passou mal durante o corte de peso e foi substituída por Roxanne Modafferi (3ª).

Completam o top-5 Lauren Murphy (2ª), Barb Honchak (4ª) e Montana De La Rosa (5ª). A brasileira Kalindra Faria, que perdeu para Mara Romero Borella, está em 12ª, enquanto sua algoz garantiu a 9ª colocação.

MAIS SOBRE:

lutasJosé AldoUFC [Ultimate Fighting Championship]Cris CyborgAmanda Nunes
Comentários