Anderson Silva desafia McGregor para luta no UFC: 'Quero bater nesse anão'

Brasileiro está afastado do octógono desde julho e ainda não tem luta marcada

Relacionadas

Um dos maiores atletas da história do UFC, Anderson Silva não entra no octógono desde o dia 7 de julho, quando perdeu para Daniel Cormier, mas, no que depender dele, ele voltará em breve e já tem até um adversário preferido: Conor McGregor, campeão do peso-leve e grande nome do evento na atualidade.

"Agora, velho, que eu estou começando a desafiar todo mundo. Ah, eu quero bater nesse anão... Como é o nome do menino mesmo... McGregor. Não é provocação. É que eu esqueci, eu sou velho. Velho sabe como é. Eu tenho essa vontade de me testar contra ele. Eu acho que ele é um cara que tem uma habilidade fora do normal. Eu não sei se ele chegaria num peso até 81, 82 Kg, que é o peso que eu consigo chegar. Mas é um cara que eu gostaria de me testar antes de eu encerrar minha carreira. Acho que seria uma grande luta para o mundo das lutas e para a história do UFC", disse o brasileiro, destacando que o irlandês precisaria aumentar o seu peso para a luta ser possível.

Caso a luta seja inviável, Anderson Silva se animou com a possibilidade de um terceiro duelo com Chris Weidman, que o derrotou duas vezes em 2013. "Tem coisa que se eu responder aqui, vai ter gente que vai falar: "Pô, esse cara é muito arrogante". Não vou nem responder. Todos os atletas que estão lá nessa categoria, todos eles podem lutar a qualquer momento. Independente de ser eu, Weidman ou qualquer um. Eu sou da categoria, se acontecer, a gente vai lutar de novo. Não tenho problema com isso", finalizou.

MAIS SOBRE:

LutasUFCAnderson SilvaLuta
Comentários