Bethe Pitbull passa por nova cirurgia no olho e adia retorno ao UFC

Brasileira teve de refazer uma cirurgia no olho para reparar uma lesão contraída no final de 2016

 Lesão no olho, adia retorno Bethe (foto) ao UFC (FOTO: Laerte Viana/Super Lutas)

Relacionadas

Bethe Pitbull deveria voltar ao octógono contra Irene Aldana no UFC S.t Louis, em janeiro deste ano. Mas uma lesão no olho, contraída em outubro de 2016, afastou a paraibana da disputa. Ela precisou passar por uma cirurgia e tinha retorno previsto para março, porém, um problema durante o processo cirúrgico irá afastar a lutadora por mais tempo das competições. + Cubano invencível anuncia que vai para Tóquio tentar 4º ouro olímpico seguido​

+ Ronda afasta retorno ao UFC: 'Tão provável quanto voltar às Olimpíadas' + Shooto Brasil 81 coloca dois cinturões em jogo neste sábado​

Em entrevista ao site norte-americano MMA Fighting, Bethe revelou que teve que passar por uma nova cirurgia para reparar a lesão. A lutadora revelou que a expectativa é que ela volte a competir no segundo semestre de 2018.

"Eu tive um problema de cicatrização e tive que fazer uma segunda cirurgia para corrigir", disse  Bethe. "Eu estava usando colírios, mas eles não estavam funcionando, então tive que fazer outra cirurgia até o final de fevereiro. Nada sério, mas eu tive que fazer", completou.

Bethe 'Pitbull' Correia, de 34 anos, fez oito lutas no UFC até o momento. Na organização desde 2013, ela soma quatro vitórias, três derrotas e um empate. O maior momento de sua trajetória foi ter conseguido uma disputa de cinturão contra Ronda Rousey, em 2015, no Rio de Janeiro. O resultado, porém, não foi bom para a brasileira, que acabou sendo nocauteada em apenas 34 segundos. A última luta da paraibana no octógono foi em junho do ano passado, quando ela perdeu para Holly Holm por nocaute.

MAIS SOBRE:

FutebolUFC [Ultimate Fighting Championship]MMA [artes marciais mistas]
Comentários