Campeão dos galos elogia atuação de Aldo e faz desafio: 'Vamos lutar no Rio'

Henry Cejudo mira defesa de cinturão contra o 'Campeão do Povo'

Relacionadas

A derrota de José Aldo para Marlon Moraes no UFC 245, realizado no último sábado (14), parece não ter abalado o prestígio do manauara com a diretoria e nem com o campeão dos galos (até 61,2kg.), Henry Cejudo. Depois de perder para o compatriota em sua estreia pela nova categoria, o "Campeão do Povo" acabou sendo desafiado pelo dono do título para um embate. A investida foi feita na conta oficial do Twitter do norte-americano.

"Quero pedir aplausos a José Aldo pela sua última performance. Muitas pessoas acharam que ele venceu (Marlon Moraes). Quero parabeniza-lo. Agora, quero desafiá-lo sob minhas condições. Quero lutar com ele na minha cidade: Rio de Janeiro. Dana White, assine o contrato", finalizou o campeão.

A atuação de Aldo frente a Moraes surpreendeu, de fato, a muitos críticos que questionavam a migração do atleta dos penas aos galos. Para muitas pessoas, o corte de peso severo seria prejudicial ao manauara, que seria, de acordo com algumas pessoas, incapaz de lutar em alto nível como fazia em sua melhor fase da carreira.

Dentro do octógono, no entanto, o que se viu foi um atleta motivado e capaz de fazer frente ao número um do ranking da categoria. Agressivo e veloz, o manauara realizou, junto a Marlon, uma das melhores apresentações da noite, sendo elogiado, inclusive, pelo presidente do Ultimate, Dana White. Para o "chefão", Aldo saiu vencedor do confronto e merece uma chance de disputar o título contra Cejudo.

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]UFC [Ultimate Fighting Championship]José Aldo
Comentários