Cláudia Gadelha retorna ao UFC em dezembro contra Cynthia Calvillo, diz site

Vinda de vitória, brasileira tenta recuperar boa fase na companhia e enfrenta rival no UFC Washington

Relacionadas

A ex-desafiante ao título das palhas (até 52,1kg.), Cláudia Gadelha, segue na sua caminhada em busca de retornar ao seu melhor momento no UFC. Após um período de instabilidade na empresa, a brasileira tem novo compromisso marcado com a organização e enfrenta Cynthia Aalvillo em 7 de dezembro, na capital dos Estados Unidos, Washington. A informação foi divulgada pela ‘ESPN’. Caso saia vitoriosa, a mossoroense somará seu segundo triunfo consecutivo.

Claudinha já foi considerada uma das atletas mais promissoras da sua categoria. No entanto, após se credenciar a lutar pelo título das palhas com a campeã da época, Joanna Jedrzejczyk, em 2016, Gadelha foi derrotada e não conseguiu mais emplacar mais de dois triunfos consecutivos dentro da companhia.

Para melhorar sua performance, Cláudia se mudou de vez para os Estados Unidos e deu início a uma nova estratégia de treinamentos, que foi colocada em prática quando enfrento a canadense Randa Markos no UFC 239, em julho. Embora tenha sido uma apresentação morna, Gadelha conseguiu voltar a vencer e se mostrou feliz pelo resultado positivo. Para seu próximo embate, a brasileira, que é a atual quinta do ranking, irá enfrentar Calvillo, que, no momento, figura na 11ª colocação.

A oponente da potiguar vive um melhor momento na carreira. Vinda de duas vitórias, a norte-americana com raízes mexicanas tem apenas uma derrota na carreira, que aconteceu quando enfrentou a ex-campeã da categoria, Carla Sparza, em 2017, pelo UFC 217. Calvillo estreou pelo UFC em 2017 e, no mesmo ano, atuou por impressionante quatro vezes dentro da companhia, além de ter realizado um embate pelo LFA (Legacy Fighting Alliance), completando cinco pelejas em um período de 12 meses. De todas, Cynthia venceu em quatro oportunidades.

Aos 30 anos, Gadelha, que soma 21 combates profissionais, com 17 vitórias e quatro derrotas. A brasileira estreou pelo UFC em 2014 e, pela empresa, realizou 10 combates, triunfando em seis e saindo derrotada em quatro.

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]UFC [Ultimate Fighting Championship]Cláudia GadelhaCynthia Aalvillo
Comentários