Com sonho de título linear, Poirier se inspira em Rocky Balboa para bater Khabib

Atleta compara desafio com o do lendário boxeador dos cinemas, que viajou à Rússia para enfrentar um adversário perigoso, mas saiu com a vitória

 D. Poirier (foto) após vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Facebook DustinPoirier)

Relacionadas

O campeão interino dos leves, Dustin Poirier, está próximo de realizar a maior luta de sua carreira. Neste sábado, o lutador irá enfrentar o invicto Khabib Nurmagomedov em luta válida pela unificação do título da categoria. Ciente da dificuldade que irá enfrentar, o norte-americano comparou sua tarefa à de Rocky Balboa, personagem fictício que viaja à Rússia para enfrentar o perigoso Ivan Drago. A declaração foi feita em entrevista recente ao UFC.

"Vou enfrentar Khabib (Nurmagomedov), um cara que nunca foi vencido, considerado um dos melhores do mundo. Estou atravessando o deserto para isso, num território hostil, em que ele vai ter o público com ele. Mas essa tem sido a história da minha vida inteira, ser o azarão numa luta. Mas todo azarão tem o seu dia. É como se fosse a história de um filme do Rocky Balboa. Eu posso ir lá, contra todas as adversidades, e mostrar a pessoa que eu sou, o lutador que eu sou. Representar a mim e minha família. E eu tenho essa oportunidade de fazer história e vou agarrá-la com todas as forças", disse o atleta.

O filme em questão é o quarto da franquia 'Rocky'. No enredo, o campeão dos pesos pesados viaja à Rússia para enfrentar Ivan Drago e tentar vingar a morte de seu ex-rival e amigo, Apollo Creed.  No país do oponente, Balboa tem de enfrentar, além de um oponente de vigor físico assustador, um clima frio, além de um público hostil. No fim, o ‘Garanhão Italiano’, após um combate duro, consegue superar as adversidades e derrotar Drago por nocaute.

Embora Khabib seja franco favorito para o combate, Dustin, para conseguir disputar o título, passou por desafios complicados. O atleta vem de quatro vitórias convincentes sobre oponentes bastante qualificados. O último deles, Max Holloway, atual campeão dos penas (até 65,7kg.), que subiu aos leves para tentar ganhar o cinturão interino da divisão.

"Depois dos resultados nas minhas últimas lutas, eu tenho certeza que, ao vencer Khabib, eu não me torno somente o melhor peso leve do mundo, mas também, o maior peso leve a ter colocado uma luva de quatro onças na história", afirmou o norte-americano.

Confiante na vitória, Dustin, no entanto, tem total noção do que está por vir na luta principal deste sábado. O lutador conhece bem seu oponente, que está invicto na carreira e é conhecido por seu Wrestling afiado.

"Espero uma luta dura. Acho que ele vai tentar jogar na curta distância, me pressionar contra a grade. É o que ele faz com todo mundo. Mas eu tenho o que é preciso para vencê-lo", finalizou Poirier.

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]UFC [Ultimate Fighting Championship]Khabib Nurmagomedov
Comentários