Conor McGregor planeja três apresentações para 2020, incluindo Khabib

Com luta marcada contra Cerrone, irlandês ainda almeja combates contra Masvidal ou Diaz, além da aguardada revanche contra Khabib

 C. McGregor quer lutar três vezes em 2020. Foto: Reprodução/Instagram @thenotoriousmma

Relacionadas

O ex-campeão dos penas (até 65,7kg.) e leves (até 70,3kg.), Conor McGregor, enfim retornou aos holofotes do MMA. Após anunciar oficialmente seu retorno ao octógono, em 18 de janeiro, contra Donald Cerrone, o irlandês projeta um 2020 agitado dentro das artes marciais mistas. Segundo a ESPN, o lutador já traçou os planos para os prováveis adversários no próximo ano.

"Ele (McGregor) apresentou este plano que quer se apresentar três vezes no próximo ano. Ele não faz isso há mais de três anos também, então, é um objetivo muito alto, mas ele acredita que, quando está ativo, ele não está se distraindo, não está se metendo em problemas, ele está muito concentrado”, disse o repórter. “As pessoas estão me dizendo agora mesmo que não o veem tão concentrado há muito tempo. Ouvimos muito isso no jogo de luta, mas ele vai dormir cedo, vai acordar cedo. Ele quer provar a todos os que acham que levou um tiro, que estão errados", contou o repórter Ariel Helwani.

McGregor, que ganhou fama mundial depois de mudar os rumos das promoções de lutas no Ultimate e garantir seu sucesso após grandes exibições, acabou se perdendo na carreira, acumulando problemas fora do esporte, inclusive processos de agressão e assédio sexual. Afastado do octógono desde outubro do ano passado e sem vencer um combate desde 2016, o atleta, até poucas semanas, tinha seu nome envolvido mais em problemas extra-MMA do que em seus êxitos no esporte.

O retorno do atleta pode significar um novo ponto de partida. Para Helwani, o irlandês está focado em voltar a ocupar lugar de destaque dentro do UFC. Com a cabeça voltada apenas para as artes marciais mistas, o  lutador tentará provar que ainda pode conquistar grandes feitos e trazer de volta o lutador que um diajá foi considerado a maior estrela da organização.

"McGregor quer provar para todos que achavam que ele estava acabado que, na verdade, estavam errados. Então, Conor quer lutar em janeiro (ele queria em dezembro, mas o UFC não lhe deu essa chance); depois, no meio do ano, talvez contra Jorge Masvidal ou Nate Diaz. No fim de 2020, ele quer encarar Khabib Nurmagomedov em Moscou. Conor McGregor quer vencer as duas primeiras lutas do ano que vem para lutar pelo título dos leves e calar a boca a todos", declarou Helwani.

A última vez em que o irlandês cumpriu o feito de realizar três apresentações em um ano foi há três anos. Na ocasião, o atleta travou suas duas lutas contra Nate Diaz e, no fim do ano, se tornou o primeiro atleta da história da empresa a ostentar dois títulos em divisões diferentes ao mesmo tempo. O combatente conseguiu o feito após derrotar Eddie Alvarez pelo cinturão dos leves na luta principal do UFC 205.

Os planos de McGregor, no entanto, dependem exclusivamente de uma boa apresentação do lutador. Antes de mais nada, o irlandês precisa provar que está, de fato, em grande forma e derrotar seus oponentes com propriedade, para, assim, chegar ao objetivo máximo, que é reeditar o duelo contra Khabib Nurmagomedov.

O russo tem declarado que, para McGregor conseguir uma nova chance de lutar pelo cinturão, ele deve merecer. Realizando embates significativos, então, o atleta pode conseguir retomar o posto de desafiante.

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]Conor McgregorUFC [Ultimate Fighting Championship]
Comentários