Cris Cyborg recusa duas lutas pelo cinturão peso pena no UFC

Dana White revela que a brasileira não apresentou justificativa quando negou o segundo convite

Relacionadas

Dana White, presidente do UFC, revelou nesta terça-feira ao podcast "UFC Unfiltered" que a brasileira Cris Cyborg recusou duas vezes o convite para disputar o cinturão peso-pena no UFC.

"Eu ofereci uma luta pelo cinturão peso pena contra Holly Holm a Cris Cyborg um mês atrás. Ela tinha oito semanas para se preparar, e disse que não conseguiria bater o peso. Depois disso, ofereci uma nova luta pelo cinturão peso pena contra Germaine de Randamie para o UFC 208, que acontece dia 11 de fevereiro, e ela recusou novamente sem me dar justificativas", conta o dirigente.

Após repercussão, a lutadora enviou um texto ao canal Combate explicando toda a situação. Cyborg revelou estar passando por uma "depressão grave", o que a impede de treinar como deveria, ou passar por um novo corte de peso.

 

MAIS SOBRE:

LutasCris CyborgDana WhiteUFCHolly Holm
Comentários