Dana White confirma McGregor x Khabib caso russo vença Ferguson

Presidente do UFC se empolga com atuação de irlandês e coloca pupilo na linha de frente para disputar título dos leves

Relacionadas

O retorno triunfal de Conor McGregor ao octógono, ocorrido no último sábado (18), pelo UFC 246, encheu os olhos do presidente da empresa, Dana White. Após derrotar Donald Cerrone em apenas 40 segundos, restou ao "chefão" o papel de rasgar elogios ao irlandês e confirmá-lo como futuro desafiante ao cinturão dos leves (até 70,3kg.). A declaração foi feita na coletiva após o espetáculo.

"Khabib está invicto após 28 lutas e já se pode falar do legado dele para o esporte. Ter 28 vitórias neste esporte é algo muito difícil e, por isso, não importa com quem você tenha lutado. Depois da vitória do McGregor no UFC 246 e a forma como o Nurmagomedov venceu a primeira luta, já podemos olhar para essa revanche como algo enorme", disse White.

Sem temer exageros, White aproveitou para traçar comparativos do confronto estabelecendo semelhanças de audiência a apresentações que já representaram grandes batalhas na história das lutas. "(Será) como foi Muhammad Ali x George Foreman (1974) ou Ali x Joe Frazier (1971, 1974, 1975). É uma luta enorme. É a luta que faz sentido, pelo cinturão dos leves e vai ser a maior luta da história do UFC e do MMA", confirmou o mandatário.

Antes de fechar e oficializar a revanche entre o notório de Khabib, Dana deve aguardar que o título da divisão seja decidido no duelo entre o russo e Tony Ferguson. Os atletas têm compromisso firmado para realizar outra luta muito aguardada pelos fãs de MMA.

Ferguson e Khabib trocam forças em 18 de abril, na luta principal do UFC 249, em Nova York (EUA). Após o confronto, o vencedor deve realizar o confronto contra McGregor ainda em 2020.

 

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]UFC [Ultimate Fighting Championship]Conor McgregorKhabib Nurmagomedov
Comentários