Dana White descarta luta entre McGregor e Frankie Edgar: 'Não vai acontecer

Presidente do UFC não atende pedido de irlandês, cita diferença de peso e afirma que futuro de norte-americano é nos galos

 D. White em entrevista. Foto: Reprodução/YouTube UFCUm desejo de Conor McGregor não é mais uma ordem para a diretoria do UFC. Após sugerir o retorno ao MMA contra Frankie Edgar, o irlandês teve seu pedido negado pelo presidente da empresa, Dana White.  Segundo o chefão, a diferença de peso entre os atletas é considerável, o que impossibilita o encontro entre os combatentes. A declaração foi feita em entrevista ao canal Boston Herald.

Relacionadas

"A luta contra Frankie Edgar não vai acontecer. Frankie é duas categorias abaixo. Edgar deveria enfrentar Aljamain Sterling, mas Aljamain caiu e se machucou", contou White.

White ainda afirmou que, na atuação circunstância, um combate contra Conor não faria sentido para Frankie, que recentemente foi derrotado por Max Holloway na disputa do cinturão dos penas (até 65,7kg.). Após o revés, o norte-americano declarou sua decisão de descer aos galos (até 61,2kg.) e tentar se tornar campeão da divisão.

"Frankie está chegando ao fim de sua carreira e ele poderia encerrá-la se colocando na condição de disputar um cinturão de novo. Então, ele pegar uma luta contra McGregornão faz sentido algum", finalizou o chefão.

O norte-americano já havia declarado que, por uma luta contra McGregor, adiaria sua mudança de categoria para que pudesse realizar o sonhado confronto contra o irlandês, que é famoso por enriquecer seus adversários a partir da grande vendagem de seus compromissos.

Em declaração recente, McGregor, que sempre faz mistérios sobre quando irá voltar a lutar, disse abertamente que queria enfrentar o ex-campeão dos leves (entre 2010 e 2012). Segundo o irlandês, caberia, então, a White agendar o combate.

Com a negativa por parte da organização, os bastidores do MMA voltam à estaca zero no que diz respeito a quando e contra quem será realizado o retorno de McGregor ao MMA. O atleta não disputa uma luta oficial desde que foi batido por Khabib Nurmagomedov, em outubro do ano passado, no UFC 229, em combate válido pelo título dos leves (até 70,3kg.).

O pedido por uma luta contra Edgar, segundo o próprio McGregor, fazia sentido pelo fato de, pelo norte-americano apresentar o Wrestling como sua principal característica, ele (McGregor) estaria se preparando para uma futura revanche contra o russo, seu eterno rival.

Com o assunto encerrado, resta, agora, Frankie e McGregor seguirem em frente com suas carreiras e buscarem seus próximos objetivos para retornarem a vencer dentro da organização.

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]Conor McgregorFrankie EdgarDana WhiteUFC [Ultimate Fighting Championship]
Comentários