Dana White ‘sabia’ que St. Pierre abdicaria do cinturão dos médios

Presidente do UFC disse que não ficou irritado, mas declarou que GSP não quer enfrentar outros campeões

 St. Pierre não é mais campeão dos médios (Foto: Reprodução/Twitter GeorgesSt.Pierre)  

Relacionadas

A notícia de que Georges St. Pierre desistiu do título peso médio conquistado no UFC 217 não pegou Dana White de surpresa. O presidente do Ultimate disse que já sabia que o canadense não iria defender o cinturão e declarou que GSP escolheu Michael Bisping "a dedo" e que o agora ex-campeão não pretende lutar com Tyron Woodley, dono do cinturão de sua categoria original.

+  Técnico de St. Pierre cita McGregor e Mayweather como possíveis desafios

+ Covington provoca Rafael dos Anjos: ‘Defenda sua terra, animal imundo’

+ Segurança de Neymar vence em 59s e leva bônus de R$164 mil por nocaute

Em entrevista coletiva após o UFC Fresno, Dana White reitera que não se irritou com St. Pierre, mas deixou no ar a possibilidade de GSP não voltar a lutar tão cedo.

"Eu achei que ficaria (irritado), mas não estou. Eu sabia que isso iria acontecer. Por isso pedi para ele assinar o contrato, obrigando-o a unificar os cinturões caso ganhasse. Ele não quer lutar com Woodley, não quer lutar com Whittaker. Ele queria a luta com Bisping. GSP escolheu Bisping a dedo, enfrentou-o, venceu o duelo e foi embora, acontece", disse o mandatário do Ultimate.

Ex-dono do título meio-médio, St. Pierre retornou ao UFC após quatro anos fora para disputar o cinturão do peso médio e finalizou Michael Bisping. Com isso, o canadense se tornou apenas o quarto lutador a ter dois títulos em duas categorias diferentes, após Randy Couture, BJ Penn e Conor McGregor. Pouco tempo depois, porém, GSP alegou uma doença no intestino (colite) para desistir do título, que agora é de Robert Whittaker, ex-campeão interino.

MAIS SOBRE:

lutasDana White
Comentários