Está com medo? Campeão do UFC revela ter espiões para vigiar próximo rival

Michael Bisping está se rpeparando para o duelo com Georges St. Pierre no UFC 217

Relacionadas

Michael Bisping arrumou uma maneira inusitada de se preparar para o duelo que travará com Georges St. Pierre no UFC 217, dia 4 de novembro, em Nova York (EUA). Com uma postura provocativa que lhe é de costume, o atual campeão dos médios revelou que tem espiões infiltrados nos treinamentos do canadense, ressaltando que isso o deixará mais bem informado sobre os planos de seu próximo rival.

"St-Pierre está em Los Angeles. Está treinando na Wild Card Boxing, com o Freddie Roach. Tenho alguns espiões lá e, aliás, eles me deram algumas informações. Georges, se você está ouvindo, isso é domínio público. Eu conheço gente lá e sei no que você está trabalhando. Sei o que você está treinando e isso não vai funcionar em mim, garoto Georges!", declarou o lutador em seu podcast "Believe You Me".

Quando o assunto foi a maneira como o combate se desenrolará, Bisping foi ainda mais enfático. Confiante, ele garantiu que irá nocautear GSP ainda no primeiro round, após evitar as tentativas de quedas do oponente.

"Geralmente, quando eu luto com wrestlers, costumo me movimentar muito. Uso muito movimentos laterais, para frente e para trás, de um lado para o outro, porque se você está se mexendo, é difícil para um wrestler tentar ir para o double leg, pois você é um alvo em movimento. Mas não vou fazer isso dessa vez. Vou ficar na frente dele, vou plantar meus pés no chão, vou colocá-lo na defensiva e vou nocauteá-lo no primeiro round. Marquem minhas palavras", concluiu.

MAIS SOBRE:

LutasLutaMichael BispingGeorges St-Pierre
Comentários