Ex-campeão do UFC manda mensagem de apoio para Demi Lovato

Cantora norte-americana foi levada para um hospital de Los Angeles na terça-feira por uma suspeita de overdose

Relacionadas

A cantora norte-americana Demi Lovato, que já falou abertamente sobre seu histórico de abuso de drogas e álcool no passado, foi levada para um hospital de Los Angeles na terça-feira por uma suspeita de overdose, de acordo com relatos da mídia norte-americana. Após a repercussão do caso, Randy Couture, membro do Hall da Fama do UFC, lamentou o caso.

"Nós amamos Demi e vamos fazer o que pudermos para ajudar. As vezes há contratempos. Estamos aqui para ajudá-la a passar por eles e seguir em frente", declarou Randy ao site TMZ Sports. Além do astro, a atleta peso palha Emily Whitmire, que treina na mesma academia da cantora, também enviou uma mensagem.

"De verdade, essa garota sabe bater. E ela tem uma ótima movimentação. Demi é muito boa em fazer perguntas para melhorar sua performance. Ela vai ficar tipo: 'Ok, o que devo fazer para consertar isso?'. É muito divertido treiná-la", disse Whitmire para a rádio MMA Junkie. 

Demi é grande fã de esportes e praticamente de artes marciais. Ela é graduada com faixa-azul no jiu-jitsu há um ano. Na época chegou a agradecer a ajuda de Randy, dono da academia Xtreme Couture, onde realizou os treinos.

 

 

MAIS SOBRE:

LutasDemi LovatoUFC [Ultimate Fighting Championship]
Comentários