Jon Jones ‘jura pelas filhas e por Deus’ ser inocente em caso de doping

Norte-americano quebrou o silêncio após perder o cinturão e garante que nunca usou nenhum esteroide

Relacionadas

Após ter seu título meio-pesado oficialmente retirado novamente pelo UFC, Jon Jones quebrou o silêncio relacionado a mais um teste antidoping positivo, desta vez feito na véspera do UFC 214, quando nocauteou Daniel Cormier. Agora ex-campeão, “Bones” respondeu a um fã no Twitter e disse “jurar por suas filhas e por Deus” que nunca usou nenhum tipo de esteroide.

O usuário da rede social Thomas Kinsella mandou uma mensagem ao lutador, pedindo para que ele finalmente dissesse a verdade, não importa qual ela seja. Kinsella escreveu que outros fãs o respeitariam mais por isso. Jones respondeu.

“Cara, a verdade é essa: eu nunca usaria esteroides. Juro isso pelas minhas filhas e pelo meu Deus”, comentou o ex-campeão.

Enquanto ainda não recebeu nenhuma punição oficial, Jones segue suspenso provisoriamente, após a amostra B do seu teste antidoping também ter dado positivo para turinabol. Além de ter perdido o título e a vitória conquistada sobre Daniel Cormier no UFC 214, o norte-americano também teve seu nome retirado dos rankings do UFC, indicando que ele deverá ser suspenso pela companhia, assim como qualquer punição que possa vir a ser dada pela Agência Anti-Doping dos Estados Unidos (USADA).

 

MAIS SOBRE:

lutasDoping
Comentários