Mayweather projeta duas atuações em 2020, uma delas contra estrela do UFC

Responsável por afiar a trocação do brasileiro, Josuel Distak confirma que capixaba vai realizar treinamentos em nova academia nos Estados Unidos

 F. Mayweather confirma fim da aposentadoria. Foto: Reprodução/Instagram @floydmayweather

Relacionadas

O campeão mundial de boxe e invicto na carreira, Floyd Mayweather, surpreendeu o mundo das lutas na última semana ao anunciar o fim de sua aposentadoria. Afastado dos ringues desde 2017, o astro norte-americano revelou que pretende voltar às atividades em 2020 e já projeta seus desafios. Segundo o TMZ Sports, a lenda da "nobre arte" quer se apresentar duas vezes no próximo ano e um de seus desafios deve acontecer contra uma das estrelas do Ultimate.

Ainda não há confirmação sobre quem será o ‘felizardo’ a dividir o espaço de luta contra Floyd, nem a modalidade em que os combates serão disputados. No passado, quando protagonizou a super luta contra Conor McGregor (2017), Mayweather sugeriu que poderia fazer uma luta de exibição no MMA. O lutador até foi clicado, na época, sobre um octógono, o que poderia significar um debute na nova modalidade.

A apresentação nas artes marciais mistas, no entanto, nunca se concretizou. O que se espera é que o norte-americano volte a desafiar um dos atletas que compõem o grupo do UFC para uma nova exibição, no formato como foi configurada contra o irlandês, que, na oportunidade, ostentava dois cinturões em categoria distintas (penas e leves).

A possibilidade de voltar a encarar um lutador de MMA aumentou após Dana White, presidente do Ultimate, ter sido um dos responsáveis por divulgar o anúncio do retorno da lenda do boxe. Na ocasião, foram publicadas duas fotos e, em uma delas, o campeão mundial aparece sentado ao lado do mandatário do UFC.

No primeiro momento, poderia interessar aos fãs um duelo de Floyd contra Khabib Nurmagomedov. Ambos se aproximam no peso e renderiam realizar um combate rentável aos produtores e espectadores.

Uma nova possibilidade, porém, pode ter surgido com o crescimento na popularidade de Jorge Masvidal, que surgiu nas artes marciais se apresentando em lutas de rua no formato que ficou mundialmente conhecido quando era organizado pelo falecido Kimbo Slice.

Após três grandes apresentações em 2019, Masvidal viu despontou como um dos atletas mais importantes para a empresa. Com vitórias sobre Darren Till, um triunfo devastador sobre Ben Askren e o resultado positivo em cima de Nate Diaz, que rendeu um cinturão simbólico, além de um dos eventos mais visto do ano, o norte-americano poderia fazer frente para o pugilista em um confronto no ringue.

Após o sucesso de Jorge, Dana White revelou que o atleta abriu um leque de oportunidades para seu futuro. Além de uma provável disputa de cinturão contra o vencedor da luta entre Kamaru Usman e Colby Covington, que acontece em dezembro, no UFC 245, Masvidal pode ter o maior momento de sua vida ao poder encarar Floyd.

Tudo, porém, não passa de rumores. Nas próximas semanas ou meses, o mundo saberá qual passo será dado pelo lendário campeão.

MAIS SOBRE:

MMA [artes marciais mistas]Floyd MayweatherUFC [Ultimate Fighting Championship]
Comentários