Mike Tyson revela que usava urina dos filhos em exames antidoping

O ex-lutador ainda utilizava pênis falso para fazer a troca de material para teste

Relacionadas

Um dos maiores nomes do boxe mundial, Mike Tyson já se envolveu em muitos problemas, como estupro, uso de maconha antes de luta, mordida na orelha do adversário, entre outros. Mas a lista de casos chocantes do norte-americano parece ter espaço para a inclusão de mais itens. 

Em entrevista à ESPN dos Estados Unidos, o ex-atleta contou como usou a urina dos filhos para passar ileso em testes antidoping. "Eu iria utilizar a urina da minha mulher, mas então ela disse que quando os resultados saíssem iriam dizer que eu estava grávido". 

"Então foi melhor usar a urina dos meus filhos", finalizou o campeão mundial. Ao ser questionado sobre como ele conseguia trocar a urina utilizada, Tyson disse que usava um pênis falso.

 

Em questão de burlar as regras, Tyson foi mais inteligente que D.J. Cooper, jogador de basquete do AS Monaco. Ao usar a urina da namorada para tentar passar no teste, aconteceu exatamente o que a esposa do ex-boxeador previu: o exame deu positivo para gravidez e ele foi suspenso. Conheça a história toda aqui.

 

MAIS SOBRE:

boxeMike Tysondoping
Comentários