Ronda afasta retorno ao UFC: 'Tão provável quanto voltar às Olimpíadas'

De contrato assinado com a WWE, Ronda - que nunca oficializou sua aposentadoria do MMA - jogou um balde de água fria nos fãs

 Ronda (esq.) revela que é improvável sua volta ao UFC. Foto: Reprodução / YouTube

Relacionadas

Apesar de nunca negar a possibilidade de voltar ao octógono, Ronda Rousey jogou um balde de água fria na expectativa dos fãs. De contrato assinado com a WWE - evento de telecatch nos EUA - a lutadora revelou que não pensa no retorno ao MMA. + Vídeo: Ex-campeão do UFC passa cinturão para Demi Lovato em show​

+ Lenda do jiu-jitsu, Bruno Malfacine assina com o Brave e estreia em BH + John Lineker encara Brian Kelleher no UFC 224, no Rio de Janeiro​

Apesar de ainda não admitir que pendurou as luvas, Ronda revelou a chance de voltar ao UFC é a mesma dela competir no Judô, modalidade que atuou até 2008, quando foi medalha de bronze nas Olimpíadas de Pequim.

"Eu não sei (se eu voltaria). Acho que é tão provável quanto eu voltar às Olimpíadas no judô. Ninguém exigiu que eu entregasse uma carta de demissão para o judô, e acho que o mesmo não é necessário para a luta. Eu estou apenas fazendo o que eu gosto, e WWE é o que gosto neste momento", afirmou Rousey ao ao talk show "The Ellen Show", do canal ABC, dos Estados Unidos.

A estreia na WWE

Ainda durante o programa, Ronda comentou sobre sua estreia na WWE, marcada para o dia 8 de abril no no WrestleMania 34. A loira não escondeu a empolgação para subir no ringue e revelou nervosismo para estreia.

"Estou extremamente empolgada. Estou nervosa, mas não nervosa como nas Olimpíadas. A pior coisa que pode acontecer é eu parecer idiota, que não é a pior coisa que poderia acontecer. Não consigo lembrar da última vez que eu estive tão empolgada com alguma coisa" encerrou.

Confira a entrevista completa:

MAIS SOBRE:

Lutas Ronda Rousey
Comentários