Werdum responde a Hunt sobre acusação de fugir de luta: 'não quero machucar'

Brasileiro peso-pesado do UFC foi confirmado para duelo contra Derrick Lewis no UFC 216

Relacionadas

Confirmado para enfrentar o norte-americano Derrick Lewis no UFC 216 no dia 7 de outubro, em Las Vegas, o brasileiro Fabricio Werdum aproveitou para ironizar as declarações de outro rival, o neozelandês Mark Hunt. Hunt, que anteriormente foi nocauteado pelo brasileiro, acusou Werdum de estar fugindo de uma revanche contra ele, que deveria ocorrer na Austrália. "Sugeri o nome dele (Werdum) para a luta, mas ele recusou porque tinha horário marcado com a manicure", tinha dito o neozelandês.

Werdum, agora confirmado para enfrentar Lewis, disse que recusou a luta porque "não quer machucar" Hunt.

"Vi o que ele falou, mas não quero machucar ele de novo. Estou com uma luta fechada agora, quero lutar antes, dia 7 de outubro e depois dezembro de novo", disse o brasileiro. "Austrália é muito longe, não quero ir lá.  E não quero machucar o Hunt. Machuquei ele da outra vez, e ele é muito legal para nocautear de novo", disparou. "O Hunt nunca foi de falar, mas acho que ele quer se recuperar da derrota, não sei".

O brasileiro, ex-campeão dos pesados do Ultimate, vem de derrota diante do holandês Alistair Overeem, e pretende, agora, fazer o máximo possível de lutas para ter nova chance de disputar o cinturão.

Sobre o próximo adversário, destacando o poder de nocaute e a força de Lewis, Werdum avaliou: "ele é perigoso, mas acho que tenho condições de vencer".

MAIS SOBRE:

lutasUfc
Comentários