Vídeo: após aéreo, surfista brasileiro 'atropela' cinegrafista no Havaí

Caio Ibelli se posicionou contra a distribuição das vagas reservadas para lesionados

Relacionadas

O surfista Caio Ibelli se viu em um apuros enquanto treinava para retornar à elite do surfe mundial. No Havaí, o brasileiro deu uma manobra aérea enquanto era filmado por um cinegrafista dentro da água. No entanto, o resultado da gravação quase acabou com uma, ou até mesmo duas, pessoas lesionadas.

"Quanto você arriscaria para fazer a imagem da vida?", questionou o brasileiro. O cinegrafista identificado pelo apelido "tiozinho" tanto pelo surfista quanto por Cesinha Feliciano, que fez o vídeo da confusão, percebe que vai ser acertado por Caio e se joga na água. 

Nisso, o brasileiro pousa com a prancha em cima do stand up paddle utilizado pelo cinegrafista e também acaba caindo. Ninguém se machucou. No início de 2018, Caio fraturou o pé e perdeu quase todas as etapas da temporada, então contava com uma das vagas reservadas para os lesionados. 

No entanto, a WSL anunciou que elas irão para o havaiano John John Florence e o norte-americano Kelly Slater. No mês passado, o surfista natural do Guarujá se mostrou contra a decisão da principal liga de surfe do mundo. 

"Kelly usou e abusou .Foi pra Fiji 20 pés durante o evento de Keramas ,ficou em 3° na piscina e não foi pra França na próxima semana.Fora que esse é o 2° ano consecutivo que ele usa essa mesma vaga. Será justo?", questionou Caio em seu Instagram.

Confira os dois ângulos da gravação:

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

2 ângulos Com a imagem do Tiozinho... @caioibelli #alohafriday #kookslams #kookoftheday

Uma publicação compartilhada por César Feliciano (@cesinhafeliciano) em

 

 

 

MAIS SOBRE:

surfeCaio Ibelli
Comentários