Gabriel Medina fala sobre ídolo Ayrton Senna: 'Não chego nem aos pés dele'

Surfista se inspira no piloto de Fórmula 1 para buscar tricampeonato no Circuito Mundial

Relacionadas

Bicampeão mundial de surfe, Gabriel Medina tem um ídolo em um esporte muito diferente do seu: o automobilismo. O atleta de 25 anos se inspira em Ayrton Senna enquanto está subindo as ondas no Circuito Mundial de Surfe.

"Ele sempre foi uma inspiração, mas não chego nem aos pés do Ayrton. Ele era muito determinado, amava o país dele, representava a gente de coração, dava tudo de si, e é o que eu sinto quando estou numa bateria", contou Medina ao site Gazeta Esportiva. O surfista tem 25 anos, e tinha menos de um ano quando Senna morreu ao bater o carro durante o GP da Itália, em 1994.

"Não tem só eu, minha família e meus amigos ali. É muito além disso. São muitas pessoas torcendo. Eu sei, quando um brasileiro ganha um título desse porte, um campeonato mundial, quantas pessoas atinge, quantas pessoas deixei feliz", comentou o surfista sobre a emoção de ser campeão mundial.

"Para mim é além dos meus sonhos. Amo representar meu país. Hoje estou vivendo um sonho, e representar com dois títulos mundiais e com o suporte que tenho é muito gratificante", completou, sobre a sensação de vencer pelo Brasil no surfe. Medina ganhou o Circuito Mundial em 2014 e 2018.

Medina começa a defender o título do Circuito em 13 de abril, na etapa de Gold Coast, na Austrália. Além desta competição, em 2019 o surfista também buscará a classificação para a Olimpíada de 2020, em Tóquio, quando o surfe estreará nos Jogos. 

MAIS SOBRE:

surfeGabriel MedinaAyrton Senna
Comentários