Mais um atleta perde a vida por ataque de tubarão em ilha francesa

Francês praticava bodyboard na ilha francesa da Reunião quando foi atacado; ele era líder de iniciativa contra ataques a esportistas

Relacionadas

O bodyboarder francês Adrien Dubosc, um dos líderes da iniciativa "Shark Watch Patrol", que busca baixar a quantidade de ataques de tubarões a praticantes de esportes aquáticos na Ilha Reunião (que pertence à França e fica no Oceano Índico), perdeu a vida ao sofrer justamente um ataque de tubarão no local.

Ele praticava o esporte, na manhã de sábado, e sofreu uma mordida na perna direita. Foi resgatado com vida, mas não resistiu aos ferimentos.

A ilha é a mesma sobre a qual, recentemente, falou a lenda do surfe Kelly Slater, que propôs o abate aos tubarões na região, após a morte de um outro bodyboarder, em fevereiro deste ano.

A prática de surfe e bodyboard no local do incidente estavam proibidos, por causa da presença de tubarões e os frequentes e violentos ataques na ilha. Este foi o 21º ataque de tubarão desde 2011 na Reunião, a maioria a surfistas e bodyboarders, sendo nove fatais.

 

MAIS SOBRE:

bodyboardSurfeBodyboard
Comentários