Surfistas dizem ter superado recorde de onda gigante conquistado por brasileiro

Marca de Rodrigo Koxa é de 24,38 metros em onda surfada no ano passado

Relacionadas

No dia 29 de abril de 2018, um anúncio chamou a atenção dos brasileiros: Rodrigo Koxa se tornava oficialmente o surfista que já havia pegado a maior onda de todos os tempos, um 'paredão' de água de 24,38 metros, ou 80 pés. Um ano depois, dois outros surfistas alegam ter superado Koxa.

O alemão Sebastian Steudtner e o americano Kai Lenny podem faturar o prêmio do WSL Big Wave Awards, o Oscar das ondas gigantes. Por enquanto, eles são apenas indicados à premiação, mas se anteciparam e divulgaram em suas redes sociais uma contagem ainda não-oficial em que superam a marca conquistada pelo brasileiro.

Sebastian publicou um registro feito na última quinta-feira, 25 de abril, em Nazaré, Portugal. Nos cálculos apresentados na imagem, o alemão teria surfado uma onda de 95 pés, o que dá 28,95 metros. No entanto, esses estudos não oficiais não são tão precisos. Como exemplo, antes dos números oficiais serem divulgados, a expectativa era de que a onda de Koxa girasse em torno dos 100 pés (30 metros).

Kai Lenny também usou seu Instagram para mostrar a onda que ele surfou em Jaws, no Havaí, no fim do ano passado. Na legenda, o havaiano explica que foi o fotógrafo Aaron Lynton quem fez os cálculos: a onda tem 16 vezes o tamanho dele agachado. Ou seja: 84 pés (25,60 metros).

O WSL Big Wave Awards terá a cerimônia de entrega de premiação nesta quinta-feira, 2 de maio.

MAIS SOBRE:

surfeRodrigo KoxaSebastian SteudtnerKai Lenny
Comentários