Crianças pedem para governo espanhol deixar Nadal voltar aos treinos

Responsáveis pela plataforma 'RafaPlay Now' dizem fazer parte de um movimento sem fins lucrativos, que busca promover os valores do tenista

Relacionadas

A plataforma "RafaPlay Now", criada por crianças da cidade de Palma, em Maiorca, pede ao governo da Espanha que autorize imediatamente o retorno do tenista Rafael Nadal aos treinamentos, como destacado em nota publicada nas redes sociais.

Segundo colocado do ranking mundial e confinado em sua residência em Porto Cristo também em Maiorca, devido à pandemia do novo coronavírus, Nadal havia expresso publicamente há alguns dias o seu desejo de treinar. O jogador de 33 anos lembrou que o tênis é o seu ofício e deu como exemplo o retorno à normalidade de alguns grupos de trabalhadores espanhóis.

Os responsáveis pela plataforma dizem fazer parte de um movimento sem fins lucrativos, que busca promover os valores de Nadal e agora pede que ele possa voltar a jogar.

"Devido à pandemia da covid-19, atualmente Rafael Nadal está em sua casa e não pode treinar nas quadras de tênis de sua academia em Manacor. Rafael Nadal declarou publicamente que gostaria de poder voltar a treinar em uma quadra de tênis, como muitos outros trabalhadores na Espanha que já voltaram ao trabalho", dizem os idealizadores.

"Nadal entende que jogar tênis, onde há muitos metros de separação, não representa um risco à sua saúde ou aos outros e, portanto, quer voltar ao seu treinamento habitual", acrescenta a nota.

A "RafaPlay Now" ainda salientou que o ídolo frequentemente se envolve em causas sociais, como na campanha de solidariedade da Cruz Vermelha, e que inclusive fez doações para ajudar a combater os efeitos da crise sanitária.

"Nós defendemos que o esporte espanhol vai entender perfeitamente que Rafa Nadal merece ser o primeiro a voltar à prática esportiva na Espanha. Não há necessidade de leis ou decretos. Ele mereceu e merece", afirmam as crianças.

 

MAIS SOBRE:

tênisRafael Nadalcoronavírus
Comentários