'Momento de fúria' com boleiro elimina italiana do Aberto da Austrália

Maria Vittoria Viviani acertou uma bolada no rapaz que estava ao lado da quadra

Relacionadas

Com apenas 17 anos, Maria Vittoria Viviani ainda tem muito o que aprender para se tornar uma grande tenista. E uma dessas lições pode ter sido aprendida durante o Aberto da Austrália. Depois de perder o primeiro set por 6 a 2 para a chinesa  Xin Yu Wang, ela se descontrolou, tirou uma bola do bolso e a atirou para o lado esquerdo da quadra, atingindo o boleiro. Apesar da bolada não ter sido forte, o boleiro sentiu ao ser atingido no peito.

Logo que percebeu o que fez, a italiana levantou os braços e pediu desculpas, mas o árbitro do jogo não aceitou e acabou punindo a garota com a eliminação do torneio. Depois da confirmação de que estava fora da competição, Maria Vittoria não escondeu a sua frustração e não conteve as lágrimas. A situação comoveu muita gente nas redes sociais e muitos foram os que apoiaram a atleta, considerando a punição do juiz severa demais.

O lance de Viviani gerou ainda mais polêmica por ter ocorrido no mesmo dia em que o japonês Kei Nishikori passou por uma situação parecida. O número cinco do ranking mundial jogou uma bola para o lado na partida contra Roger Federer e também atingiu um boleiro, mas não foi punido pelo acidente. Apesar de passar ileso pelo fato, o japonês acabou superado pelo suíço.

MAIS SOBRE:

TênisAustráliaKei NishikoriRogertênisTênis
Comentários