Sul-coreano é o primeiro tenista surdo a vencer partida no circuito da ATP

Duck-Hee Lee superou o sueco Henri Laaksonen no torneio de Winston-Salem, nos Estados Unidos

Relacionadas

Ouvir a bola é algo que parece ser fundamental no tênis, mas Duck-Hee Lee, de 21 anos, está se adaptando no esporte mesmo sem poder. O sul-coreano, que é surdo, conseguiu sua primeira vitória no circuito ATP nesta segunda-feira, 19 de agosto, no torneio de Winston-Salem.

Duck-Hee Lee superou o sueco Henri Laaksonen na primeira rodada por 2 sets a 0, parciais de 7/6 (4) e 6/1, e conquistou sua primeira vitória em um grande torneio do circuito. Ele é considerado um dos jovens tenistas mais promissores pela ATP e atualmente está no 212º lugar no ranking mundial.

"É muito importante ser o primeiro surdo a jogar a este nível, a ser profissional. Eu realmente não consigo ouvir nada. Mas, se alguém está gritando, sim. Consigo perceber alguma coisa. Não consigo ouvir a bola ou as chamadas dos juízes em quadra. Eu realmente tento me focar na bola e nos gestos dos meus oponentes", descreveu ele sobre a situação em uma entrevista. Lee consegue falar o idioma coreano, apesar de não poder ouvir.

Ele também relatou outras dificuldades. "As pessoas faziam brincadeiras com minha deficiência. Eles me diziam que eu não poderia jogar. Foi definitivamente difícil, mas meus amigos e minha família me ajudaram a passar por isso. Eu queria mostrar para todo mundo que podia fazer isso. Minha mensagem para as pessoas que têm deficiência auditiva é que não se desencoraje. Se você trabalhar duro, pode fazer qualquer coisa", projetou.

Ainda na terça, Duck-Hee Lee jogou pela segunda rodada, quando enfrentou o polonês Hubert Hurcacz, cabeça-de-chave número 3 do torneio e número 41 do ranking. E, dessa vez, não teve a mesma sorte: foi derrotado por 2 sets 1 (6-4, 0-6 e 3-6).

MAIS SOBRE:

tênisDuck Hee Lee
Comentários