Caminhão 'tecnológico' ajuda na segurança e impede 'trapaças' no Sertões

Equipamento desenvolvido para a edição 2017 mapeará todos os veículos na disputa

Relacionadas

Não é só o pé fundo no acelerador e a habilidade em dar coordenadas que são importantes para se competir no Rally dos Sertões. A tecnologia é tão fundamental quanto. A partir da edição 2017, a competição investiu em um dispositivo chamado Stella, uma plataforma inteiramente digital e conectada que envia o roteiro do dia para cada veículo da disputa, além de impedir as "trapaças", já que mapeia se o veículo realmente percorreu todo o percurso.

"Nosso projeto contempla todas as demandas de cada público, cada aplicação usada durante a disputa", garantiu Paulo Henrique Pichini, Presidente e CEO da Go2neXt Cloud Computing Builer & Integrator, desenvolvedora do projeto, que ainda será importante para a segurança dos pilotos, transmitindo alertas em caso de acidentes ou falhas mecânicas. Esse olhar digital serve também para avisar o competidor sobre a proximidade de um outro veículo, algo difícil de ser visualizado em meio à poeira da trilha ou à escuridão da área rural.

 

 

Tudo isso será garantido graças ao TechTruck2Go, um caminhão de 15 metros de comprimento que levará o que há de mais avançado em telecomunicações e tecnologia para todos os locais onde a prova passar, facilitando em muito a comunicação entre as equipes e pilotos: "Câmeras inteligentes, soluções de Digital Signage que formam um video wall e um ambiente de videoconferência estarão disponíveis para esses briefings diários", descreve Pichini.

 

MAIS SOBRE:

VelocidadeRaliRali dos SertõesTecnologiaAutomobilismo
Comentários